BIBLIOCANTOS


NÃO QUERO DINHEIRO/NÃO PENSO DIREITO

 

Não Quero Dinheiro

Tim Maia

 

Vou pedir prá você ficar

Vou pedir prá você voltar

Eu te amo

Eu te quero bem

 

Vou pedir prá você me amar

Vou pedir prá você gostar

Eu te amo

Eu te adoro, meu amor

 

A semana inteira

Fiquei esperando

Prá te ver sorrindo

Prá te ver cantando

Quando a gente ama

Não pensa em dinheiro

Só se quer amar

Se quer amar

Se quer amar

 

De jeito maneira

Não quero dinheiro

Quero amor sincero

Isto é que eu espero

Grito ao mundo inteiro

Não quero dinheiro

Eu só quero amar

 

Te espero para ver se você vem

Não te troco nesta vida por ninguém

Porque eu te amo

Eu te quero bem

 

Acontece que na vida gente tem

Que ser feliz por ser amado por alguém

Porque eu te amo

Eu te adoro, meu amor

 

A semana inteira

Fiquei esperando

Prá te ver sorrindo

Prá te ver cantando

Quando a gente ama

Não pensa em dinheiro

Só se quer amar

Se quer amar

Se quer amar

 

De jeito maneira

Não quero dinheiro

Quero amor sincero

Isto é que eu espero

Grito ao mundo inteiro

Não quero dinheiro

Eu só quero amar

 

Vou pedir prá você gostar

Vou pedir prá você me amar

Eu te amo

Eu te adoro, meu amor

 

A semana inteira

Fiquei esperando

Prá te ver sorrindo

Prá te ver cantando

Quando a gente ama

Não pensa em dinheiro

Só se quer amar

Se quer amar

Se quer amar

 

De jeito maneira

Não quero dinheiro

Quero amor sincero

Isto é que eu espero

Grito ao mundo inteiro

Não quero dinheiro

Eu só quero amar

Não Penso Direito

Fernando Modesto

 

Vou despedir o AACR já

Vou despedir prá você voltar

Eu proclamo

Eu quero também

 

Vou pedir sem o acervo precisar

Vou pedir será que leitor vai gostar

Eu proclamo

Meu catálogo, meu primor

 

Já lancei bandeira

Aqui esperando

Prá ter registro refletindo

Catálogo espelhando

Para gente estar na moda

Não pensa direito

Só se quer RDA

Se quer RDA

Se quer RDA

 

Apesar de ser besteira

Não penso direito

Quero a qualquer jeito

Regra que desconheço

Agito no mundo inteiro

Não penso direito

Mas quero RDA

 

Só espero saber se a norma vem

Não sei se a vida será fácil para alguém

Porque altera rumo

Eu não sei usar também

 

 

Acontece que na Biblio a gente tem

Que ser feliz se for buscado por alguém

Porque pelo usuário

Eu adoto, seja o que for

 

 

A norma inteira

Fiquei esperando

Prá ter FRBR todinho

Sem software rodando

Quando a gente clama

Não pensa direito

Só se quer RDA

Se quer RDA

Se quer RDA

 

Ainda que seja besteira

Não penso direito

Quero a qualquer jeito

Norma que eu desconheço

Agito no mundo inteiro

Não penso direito

Mas quero RDA

 

Vou pedir sem o acervo precisar

Vou pedir será que leitor vai gostar

Eu proclamo

Meu catálogo, meu primor

 

A norma inteira

Fiquei esperando

Prá ter FRBR novinho

Sem software rodando

Quando a gente clama

Não pensa direito

Só se quer RDA

Se quer RDA

Se quer RDA

 

Ainda que seja besteira

Não penso direito

Quero a qualquer jeito

Norma que eu desconheço

Agito no mundo inteiro

Não penso direito

Mas quero RDA

 

Autor: Fernando Modesto

   32 Leituras


author image
FERNANDO MODESTO

Bibliotecário e Mestre pela PUC-Campinas, Doutor em Comunicações pela ECA/USP e Professor do departamento de Biblioteconomia e Documentação da ECA/USP.