CRÔNICAS E FICÇÃO


NÃO SENTIR

Não sei o que sinto.

Sentir é algo difícil de se definir.

Sentir não é definição.

Algo concreto, objetivo, palpável.

Sentir não é racional, ou melhor,

A ideia de sentir é racional,

Mas para sentir se descarta a razão.

O que sinto, eu não sei.

Sentir não é saber.

Sentir não é conhecer.

Sentimento não é consenso,

É individual.

Só sinto que sou.

E sou, também, o que sinto.

Sinto-me em sintonia

Com o mundo.

Mundializado.

Autor: Oswaldo Francisco de Almeida Junior

   103 Leituras


author image
OSWALDO FRANCISCO DE ALMEIDA JÚNIOR

Professor associado do Departamento de Ciência da Informação da Universidade Estadual de Londrina. Professor do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da UNESP/Marília. Doutor e Mestre em Ciência da Comunicação pela ECA/USP. Professor colaborador do Programa de Pós-Graduação da UFCA- Cariri - Mantenedor do Site.