PRIMEIRA PÁGINA


BIBLIOTECÁRIO E LEITOR, LEITOR E BIBLIOTECÁRIO


No último poço de um lugar ermo e inóspito, o cadáver de uma menina altera a vida de um homem. O pai deste – improvável bibliotecário de uma cidade sem leitores – dedica-se a julgar os livros enviados pelo governo. Juiz implacável, condena os maus autores ao inferno, na verdade um outro poço, repleto de ratos e baratas. Lúcio, o bibliotecário e Remigio, o dono do poço, são personagens de O último leitor (Casa da Palavra, 160 pp., R$ 29), do livro do mexicano David Toscana que está sendo lançado no Brasil pela Editora Casa da Palavra. Esta inquietante novela, que aborda de forma lírica e irônica o lugar da literatura no mundo, apresenta aos brasileiros um dos autores mais originais da prosa latino-americana. A obra faz parte da Coleção Palavra do Mundo voltada para publicação de escritores, inéditos no Brasil e de países de fora do grande circuito de agentes literários. A trama de O último leitor se passa na aridez de Icamole que, apesar de estar a apenas 50 km da capital mexicana, remete a um cenário pré-histórico. A milhares de anos o sítio esteve submerso. Hoje em meio à crueza da paisagem, ainda é possível perceber vestígios desse passado sob o mar. David Toscana visitou Icamole uma única vez. O suficiente para perguntar: "o que aconteceria se no meio deste deserto, existisse uma biblioteca?".

Fonte: PublishNews - 22/12/2005
Divulgado por Rodney – Enviado para “biblioforum” em 22/12/2005

   55 Leituras


Próximo Ítem

author image
I DE ISCOLA
Janeiro/2006

Ítem Anterior

author image
BIBLIOTECAS VÃO BARRAR FEDIDOS
Janeiro/2006



author image
OSWALDO FRANCISCO DE ALMEIDA JÚNIOR

Professor associado do Departamento de Ciência da Informação da Universidade Estadual de Londrina. Professor do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da UNESP/Marília. Doutor e Mestre em Ciência da Comunicação pela ECA/USP. Professor colaborador do Programa de Pós-Graduação da UFCA- Cariri - Mantenedor do Site.