GERAL


IBOPE CULPA TRÂNSITO E WEB POR QUEDA DA TV

  • Autor não informado
  • Agosto/2008

Daniel Castro

 

Relatório inédito do Ibope aponta os congestionamentos e o crescimento da internet como responsáveis pela queda de audiência das TVs pagas e abertas, registrada de 2006 para cá.

 

O estudo não teve pretensão de ser “conclusivo”, mas de “indicar pistas para a análise da mudança de hábito no consumo de TV”. Foi encomendado pela ABTA, a associação das empresas de TV paga, preocupada com a queda de audiência na TV por assinatura, de 17% de maio de 2007 a maio de 2008, apesar do aumento de clientes.

 

“Nos grandes centros urbanos, há um aumento nos congestionamentos que pode ter efeito na diminuição do tempo disponível para o lazer. Além disso, nota-se, empiricamente, que as pessoas têm permanecido mais tempo no trabalho”, afirma o relatório.

 

O estudo aponta também como prováveis causas da queda da TV paga “a ação das operadoras contra a pirataria”, as “constantes repetições de programas” e o excesso de comerciais – que dobraram de 2005 para o final de 2007.

 

Impulsionada pela venda de banda larga pelas operadoras de cabo, a internet, reconhece o Ibope, já “rivaliza” com os canais pagos, ao exibir seriados.

 

O Ibope sugere ainda que a TV, principalmente a aberta, estaria perdendo audiência para os DVDs. Em sua amostra, o número de aparelhos de DVD e de videocassete aumentou 37% em dois anos (2005/2007).

Fonte: Folha de São Paulo. Outro Canal, p.E6, 18/08/2008


author image
OSWALDO FRANCISCO DE ALMEIDA JÚNIOR

Professor associado do Departamento de Ciência da Informação da Universidade Estadual de Londrina. Professor do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da UNESP/Marília. Doutor e Mestre em Ciência da Comunicação pela ECA/USP. Professor colaborador do Programa de Pós-Graduação da UFCA- Cariri - Mantenedor do Site.