PRINCIPAL
COLUNAS
CURIOSIDADES
DESBASTANDO O ACERVO E OUTROS TRECOS DA BIBLIOTECONOMIA
EXPERIÊNCIAS
GENERALIDADES
MERCADO
NOTÍCIAS
TEXTOS
PESSOAL
DISCIPLINAS
CADASTRO
CONTATO
NOTÍCIAS

USO DE REDE SOCIAL PIORA ESTADO DE HUMOR DAS PESSOAS, DIZ ESTUDO
[29/08/2013]

Psicólogo monitorou usuários do Facebook por mensagens de texto.

 

Um experimento que monitorou o estado de espírito de 82 pessoas durante duas semanas sugere que o uso do Facebook está correlacionado à tristeza e à ansiedade.

 

Ethan Kross, psicólogo da Universidade de Michigan (EUA), pediu aos voluntários que relatassem seu humor a cada cinco horas por meio de mensagens de textos e dissessem oi que estavam fazendo. Cada vez que as pessoas acessavam o site da rede social, a probabilidade de começarem  a se sentir mal aumentava.

 

Um estudo descrevendo o trabalho está na edição de hoje da revista “PLoS One”. Segundo os cientistas, a correlação estatística entre o uso do Facebook e o declínio do bem estar afetivo é forte: há menos de 2% de probabilidade de que o resultado do estudo tenha sido coincidência.

 

Kross ainda não oferece uma explicação sobre por que o uso da rede social tem uma associação tão forte com o baixo astral. Uma das suspeitas é de que o Facebook favoreça o usuário a fazer comparações que o aborrecem.

 

Um trabalho da psicóloga Hui-Tzu Grace Chou, da Universidade do Vale do Utah, já havia observado essa tendência no ano passado. O problema foi descrito num estudo intitulado “’Eles são mais felizes e têm vidas melhores que a minha’: o impacto do uso do Facebook na percepção sobre a vida alheia.”

 

O trabalho de Kross reproduziu resultados vistos em outros experimentos de psicologia, mas foi o primeiro a eliminar a possibilidade de as alterações de humor estarem associadas a fatores externos não controlados.

 

Existia, por exemplo, a suspeita de que fosse a natureza das interações sociais que as pessoas estavam tendo – não o Facebook – a origem do estado de humor ruim. Esse fator, porém, foi eliminado da pesquisa, que também monitorou pessoas que não estavam usando o Facebook.



(Fonte: Folha de São Paulo, p. C5, 15 ago. 2013)



Desenvolvido por LLT Hosting & Development © Info Home 2005