PRINCIPAL
COLUNAS
CURIOSIDADES
DESBASTANDO O ACERVO E OUTROS TRECOS DA BIBLIOTECONOMIA
EXPERIÊNCIAS
GENERALIDADES
MERCADO
NOTÍCIAS
TEXTOS
PESSOAL
DISCIPLINAS
CADASTRO
CONTATO
NOTÍCIAS

INCÊNDIO EM BIBLIOTECA QUEIMA 15 MIL LIVROS
[06/10/2005]

Fabrício Freire Gomes

Um incêndio, na noite de anteontem, queimou 15 mil livros da escola municipal Antônio Cristino Cabral, no município de Sertãozinho (interior de São Paulo), e destruiu o bloco da biblioteca e da sala de professores. O prejuízo, de acordo com a prefeitura, foi de pelo menos R$ 300 mil.

Para a polícia, não há suspeitos, mas existem indícios de que o incêndio foi criminoso: a cantina foi arrombada e foram levados doces e o videocassete do colégio.

As aulas na escola de ensino fundamental, que possui cerca de mil alunos e não tem vigia, foram suspensas ontem porque parte do telhado da biblioteca corria risco de desabar. Devem ser retomadas hoje. Os bombeiros retiraram a estrutura que estava comprometida e interditaram uma área de 80 metros quadrados.

O incêndio na biblioteca começou por volta das 21h30. Oito bombeiros precisaram de aproximadamente 20 minutos e 15 mil litros de água para controlar o fogo. "como não havia vítimas, a preocupação dos bombeiros foi evitar que outros blocos da escola fossem atingidos. Não deu para salvar o acervo da biblioteca, pois papel queima rapidamente", afirmou o comandante do Corpo de Bombeiros de Sertãozinho, Vítor Puato de Almeida.

Acervo desde 1967

Segundo a diretora da escola, Ângela Maria Volpe, a recuperação do acervo da bibliotecas vai começar imediatamente com o pedido de doação a fundações, empresas e aos próprios alunos.

"Não conseguimos entender o motivo, mas o incêndio foi criminoso. Mais do que o prejuízo material, a maior perda foi o acervo da biblioteca, que guardava trabalhos de alunos desde 1967, quando foi fundada a escola."



(Fonte: Folha de São Paulo, Cotidiano, p.C2, 04 de outubro de 2005 )



Desenvolvido por LLT Hosting & Development © Info Home 2005