TEXTOS TEMPORÁRIOS


  • Textos Temporários

SABER LER É NÃO ESTAR SÓ

A leitura é em primeiro lugar uma companheira. Uma companheira que onde quer que você esteja ela pode lhe acompanhar, preencher seus espaços vazios ou até mesmo agregar informações e prazer em diversos momentos.

Saber ler e poder apreciar desta arte é uma dádiva que o ser humano pode dar ao outro. Privar o outro deste saber é fechar algumas janelas do mundo para uma pessoa, o que chega a ser maldade. Poder ler literatura é viajar em mundos distantes, desconhecidos e conhecidos, dando felicidade e alegria à pessoa que lê.

Este mundo literário não será percebido por crianças, jovens e adultos a menos que lhes seja apresentado o universo literário que está ao alcance de todos. Para isso é preciso oportunidade, que poderá vir da escola, de casa, da casa do amigo, da tia, da avó.

Aliás, as avós! Que delícia escutar uma história contada pela avó, não precisa nem ser de um livro, basta ser uma história vivida por ela, na sua infância ou em qualquer outro momento da vida da vovó. Esta história muitas vezes acompanha o leitor por muito tempo com gosto de uma saudade gostosa.

Eu mesma tenho uma dessas para contar: uma vez, minha avó, que eu tanto gostava, me contou que na cidade dela não tinha carro, todos se transportavam de animal, e um belo dia ela estava para ter um dos meus tios e não tinha como ir andando para o hospital que era um pouco distante e teve que pegar um burro. Eu achei esta história inusitada! Imagine uma "criança da cidade" ouvindo sua avó contar que foi ter neném de burro!

Este universo imaginário infantil é para ser preenchido por imagens e lembranças gostosas, para que esta criança se torne um adulto mais saudável. Poder levar a leitura para as escolas públicas através da arte literária é dar oportunidade às crianças e jovens para que eles viajem e sonhem por mundos diferentes da realidade que eles vivem.

Estas "viagens literárias" contadas através de técnicas lúdicas possivelmente transformará o ouvinte num futuro leitor e possibilitará a ele criar oportunidades melhores para a sua vida. As janelas do mundo se abrirão com mais facilidade já que no seu mundo imaginário terá referências e histórias vividas por diversos personagens nos quais ele pode se mirar.

Portanto é papel de todos nós, não só da escola e dos professores, aproximar a literatura como arte para as crianças e jovens de todo o mundo, nem que seja para aqueles que estão ao nosso redor. Saber ler é não estar só!

Autor: Isabel Portela

   73 Leituras


author image
Seção Mantida por OSWALDO FRANCISCO DE ALMEIDA JÚNIOR

Professor associado do Departamento de Ciência da Informação da Universidade Estadual de Londrina. Professor do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da UNESP/Marília. Doutor e Mestre em Ciência da Comunicação pela ECA/USP. Professor colaborador do Programa de Pós-Graduação da UFCA- Cariri - Mantenedor do Site.