CRÔNICAS E FICÇÃO


COM O LIVRO NAS MÃOS E NAS PERNAS

O pequeno menino

Brinca sentado no chão.

Pernas esticadas

E um livro na mão.

 

Ele olha uma página,

Vira para ver a outra.

Põe o dedo no macaco,

Olha mais de perto a abelha

E parece querer ajudá-la

A voar, a carregar o pólen –

Que ele ainda não sabe o que é.

 

O pescoço da girafa

Quer ultrapassar os limites

Da página, assim como

Os pensamentos do menino.

O dragão assusta

E a formiguinha diverte.

Um riso alto com o cachorro

Que lambe o rosto do dono,

 

Mais uma página,

Lá vem o leão, o sol,

A grama, uma menina correndo,

Um verde forte e um

Vermelho mais forte ainda.

Ele olha fixo a joaninha,

Ele se surpreende com

As novidades do mundo.

Procura por quem está perto.

Pede parceria, conluio,

Cumplicidade.

Ele começa a perceber

Que a leitura,

Assim como a vida,

É solitária, mas coletiva.

Segura o livro e a mão

de quem lhe dará

outros livros, outros mundos.

 

Segurando forte, desajeitado,

Ele vira a última página e o livro

Acaba. Não para o menino.

Ele volta a reler mais uma vez.

É sua leitura do mundo,

Do novo, que ele volta a ler

Inúmeras vezes.

E lerá, durante a vida,

Outras tantas e tantas vezes.

Autor: Oswaldo Francisco de Almeida Junior

   90 Leituras


author image
OSWALDO FRANCISCO DE ALMEIDA JÚNIOR

Professor associado do Departamento de Ciência da Informação da Universidade Estadual de Londrina. Professor do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da UNESP/Marília. Doutor e Mestre em Ciência da Comunicação pela ECA/USP. Professor colaborador do Programa de Pós-Graduação da UFCA- Cariri - Mantenedor do Site.